Após licença de Jobs, resultados da Apple surpreendem (Será?)

Saiu agora no Folha Online algo que foi temido alguns posts atrás.

A Apple informou nesta quarta-feira um lucro trimestral que superou a estimativa dos analistas de Wall Street. A companhia divulgou previsões que agradaram investidores, o que fez com que suas ações subissem até 10%.

A empresa disse que seu lucro líquido no primeiro trimestre fiscal, encerrado em 31 de dezembro, subiu para US$ 1,61 bilhão (US$ 1,78 por ação), contra US$ 1,58 bilhão (US$ 1,76 por ação), um ano antes.

[…]

O resultado coroa um mês tumultuado para a empresa, que enfrenta preocupação crescente dos investidores sobre a queda no consumo e os planos de sucessão na empresa, depois que o executivo-chefe Steve Jobs tirou uma licença médica até junho.

Steve Jobs

Agora vamos a critica. Ninguém notou algo estranho? Algum acontecimento meio inexplicável no valor das ações? Ninguém?

 

Prestem atenção: “A Apple informou nesta quarta-feira um lucro trimestral que superou a estimativa dos analistas de Wall Street. A companhia divulgou previsões que agradaram investidores, o que fez com que suas ações subissem até 10%.”

Num post passado foi discutido a grande chance das ações da Apple desvalorizarem devido a suposta má condição de saúde de Steve Jobs. Não é estranho isso não ter acontecido? É! Porém, a Apple assumiu uma excelente estratégia para “driblar” o impacto que uma notícia dessas causaria em sua economia interna. Percebam como a informação e as notícias influenciam na economia. Não há dados e estatísticas que comprovem que a Apple superou a estimativa do trimeste, há somente os dados e as estatísticas que a Apple divulgou (que não necessariamente são reais). Isso se faz para acalmar os investidores e até mesmo ajudar a empresa a crescer, pois assim, quando a confiança é elevada, mais pessoas irão investir. É como se nós aqui do blog anunciássemos que as nossas visitas diárias são bem maiores do que na realidade, só para obter mais conceito e mais confiança daqueles que nos acompanham.

 
Isso não é uma critica a Apple (Para falar a verdade, admirei essa gingada que eles deram no mercado). Gosto só de mostrar como a mídia e a informação (que normalmente é equivocada) geram muito, muito, mas muuuuuuuito impacto na economia. Portanto, não acredite 100% naquilo que a imprensa diz. Muita coisa nela lhe induz a pensar o que eles querem. É legal dar uma filtrada na notícia e pensar o que ela quer passar para ti, que idéia eles querem lhe passar. O legal é tentar ver o que eles querem esconder.

 
Uma coisa é certa: se EU fosse investidor, não olharia TV nem leria jornais. 😛

 

Veja aqui o post passado caso você não tenha entendido

Anúncios

Pense Bem, você lembra deste brinquedo???

Pense Bem

 

Ele era um processador com pouquíssima capacidade que continha pré-gravado respostas para livros que eram vendidos separadamente. Cada livro era temático, tipo Vida na Selva, Animais…Havia uma pergunta com várias opções de resposta no livro. Daí tu, no Pense Bem, digitava o número da pergunta e dava a resposta, tipo 34 B.E ele fazia um barulhinho pra errado e outro pra certo.Cada livro também tinha um número-código, pra avisar o Pense Bem qual tu estava usando.Beirava o infantil, mas era um jeito didático de introduzir a piazada no mundo da informática.

Escrito por Eriq MARAT.

 

Abaixo um vídeo com brinquedinho…

Pedra com mais de 1kg no rim?

Realmente é bizarro, e deve ter doído!

A pedra não pesava nada mais nada menos do que 1,125 kg!!!

Urologista mostra pedra de 17cm que estava no rim do húngaro, na foto - ao lado de sua esposa - Detalhe: A pedra não pesava nada mais nada menos do que 1,125 kg!!!

Fonte: G1

Câmera Polaroid pode voltar ao mercado em 2010

Polaroid 1000Para quem achou que a era das câmeras de filme havia chegado ao fim se enganou. O modelo de câmera Polaroid ainda terá sua última investida para se re-lançar no mercado.

Foi anunciando hoje de manhã no PhotographyBLOG que as câmeras de “Filme Instante” da Polaroid (câmera de filme que revela a foto no momento em que foi tirada) poderão voltar ao mercado em 2010. A compania “The Impossible Project” comprou a fábrica da antiga Polaroid com o objetivo de recomeçar e reinventar a produção de câmeras analógicas de filme integral como as Polaróides. O filme será diferente, segundo o blog, e o nome da marca será outro.

A marca Polaroid também migrou para a era digital da fotografia, principal razão da compania “The Impossible Project” querer assumir a fabricação de câmeras de filme, desde que a Polaroid parou de produzi-las em Junho de 2008.

É uma investida louca. Eu diria que é o último suspiro do filme com o objetivo no mercado. Um item desses será para colecionadores. Mesmo assim, desejo sucesso para a tentativa dessa louca investida.

Como diria Alexandre Pretto: “Vou criar um site sobre o desafio de fazer todo mundo andar a cavalo/carroça de novo, ao invés de andar de carro”

Um homem fala por 124 horas seguidas!

O homem mais tagarela do mundo, falou por 124 horas seguidas!

Na foto, Lluis Colet o atual homem mais tagarela do mundo.

Na foto Lluis Colet, o atual homem mais tagarela do mundo.

Ele bateu o antigo record mundial, que era de 120 horas, falando sem parar.

Durante o discurso, o francês Lluis Colet de 62 anos, só pode comer refeições rápidas, e pronunciou vários textos e poemas de artistas famosos. Inclusive disse alguns próprios textos. Espero que ele não fale tanto assim em “dias comuns”, se não, teria pena de seus próximos.

Fonte: G1

Introdução Básica a Fotografia – Parte I

5 segundos de exposição com f/22 - Uso de tripé é necessário.

5 segundos de exposição com f/22 - Uso de tripé é necessário.

Parte I – Parte II

Olá leitores do blog infoproject. Meu nome é Thomas Miller, trabalho com fotografia e edição de imagens e entro no blog com o objetivo de ajudar a equipe infoproject no mundo da fotografia que, acreditem e mim, é um lugar vasto e belo em que você não se cansará de explorar.

Este é meu primeiro post, e como posteriormente trarei notícias do mundo fotográfico preciso primeiro dar uma breve explicação do funcionamento de uma câmera (de qualquer uma, das compactas as profissionais), ou simplesmente mostrar como funciona a fotografia.

Duvido que nunca na sua vida você não tenha parado para se perguntar como uma caixa pequena como uma máquina fotográfica poderia reproduzir imagens exatamente idênticas ao momento. A fotografia não é um bicho de sete cabeças. Acredite em mim: existem pessoas que são capazes de produzir câmeras caseiras. Depois que você entender um pouco como funciona a arte de fotografar você vai começar a ver as coisas com outros olhos. Eu, por exemplo, passei a ver as cores e a iluminação de maneira muito diferente.

Observe que para congelar a água foi necessário 1/4000 s

Observe que para congelar a água foi necessário 1/4000 s

Antes de mais nada, é preciso esclarecer duas coisas: fotografia não captura momento, captura luz (é, infelizmente quando você ver um fantasma ele não sairá na foto, a não ser que ele tenha a capacidade de refletir luz, coisa que até

as mais inúteis pessoas incrivelmente conseguem fazer); Fotografia significa “escrever com a luz”, grossamente falando, claro (eu matava as aulas de grego, mas ouvi dizer que “foto” vem do phos, que significa luz, e “grafia” do graphis, que significa escrever ou desenhar).

A fotografia tem três valores básicos (“universais”, usados em todos os tipos de câmeras): Velocidade do obturador (tempo que o sensor ou filme é exposto a luz), abertura da lente (o quanto de luz a lente permite entrar) e a sensibilidade do sensor (sensibilidade ISO). A imagem capturada é o resultado do balanceamento desses valores. Existem outros valores de “menor importância” como o foco e o balance de branco que pretendo explicar depois. Vamos primeiro nos concentrar nos primeiros três valores:

Propriedades da foto

Velocidade do obturador: Também chamado de tempo de exposição. Esse valor corresponde a quanto tempo o sensor da câmera ficará “capturando” a luz. Quanto mais luz estiver no ambiente, menos tempo de exposição será necessário para obter a quantidade de luz ideal (a velocidade será maior).

Quanto menos luz, mais tempo (velocidade menor). Há algumas câmeras que mesmo não sendo profissional mostram este valor, se você abrir as propriedades da foto que você tirou com a sua câmera ela provavelmente vai acusar algo como 1/60. Esse “1/60” quer dizer que a foto foi tirada em “um segundo dividido por sessenta”, o que é cerca de 0,0166666 segundo.

Existem câmeras de linha profissional que chegam a 1/8000 (equivalente a 0,000125 segundo). É importante lembrar que essa função é muito útil para “congelar” a foto, como um “splash” na água. Também é possível deixar maior tempo de exposição, como 10 segundos. Durante esses dez segundos tudo de luz que estiver “no caminho” será “capturado”, dando o efeito de movimento. É importante cuidar também que tempos abaixo de 1/60 se torna muito perigoso caso você queira uma foto estática: a chance de a foto sair tremida é muito grande.

Abertura da lente ou f-stops: É a medida do tamanho da abertura na lente. Lembre-se de que, quanto maior o número de f-stop, menor a abertura.

Quanto menor o número de f-stop, maior a abertura e mais luz a lente vai deixar passar até o sensor. Exemplo: f/1.8 é mais aberto e deixa passar mais luz do que com f/4.0, o que deixará a imagem mais clara.

Sensibilidade ISO: É a capacidade que o sensor tem de capturar a luz. Quanto maior o valor ISO, maior é a facilidade de capturar luz, assim não necessitando de um tempo de exposição muito curto ou um f-stop muito aberto. Mas cuidado: quanto maior o ISO, pior é a qualidade da imagem, deixando-a mais granulada. Quanto menor o ISO, melhor é a qualidade da imagem, deixando menos granulada. Por isso recomenda-se o uso de ISO quanto possível. Exemplo: ISO 1600 deixou a imagem mais clara e granulada, ISO 100 deixou a imagem mais escura e menos granulada, com maior qualidade.

Essa foto ficou exposta por 5 segundos. Note que os carros deixaram rastros e a luz assumiu um formato de estrela devido a lente

Essa foto ficou exposta por 5 segundos. Note que os carros deixaram rastros e a luz assumiu um formato de estrela devido a lente

A imagem obtida então será o equilíbrio de todos esses valores. A sua câmera compacta automática também os usa (alguns modelos até indicam esses valores ao dar o meio-clique para preparar para a foto), não só as profissionais, sendo que as compactas se baseiam nos valores que elas acham importantes, e mexendo manualmente nelas você que passará destacar o que é importante ou não na fotografia. Você passará a mandar na câmera, não vivendo subordinado ao limites da inteligência artificial da máquina.

Por enquanto essa é a parte I. Mandarei mais detalhes! Por favor, deixem suas dúvidas nos comentários. O esclarecimento da sua dúvida é muito importante para mim.

Abraços!

Thomas Miller.

Se estiver interessado em minhas fotografias, este é o meu Flickr

As 10 maiores cagadas do mundo

E existe gente burra! Tá louco!

10º lugar:
Numa escola americana bem liberal na cidade de Pine Groove, na Flórida, uma professora do ensino fundamental aproveitou a moleza na disciplina e resolveu esculachar. Primeiro, ela desenvolveu um costume bizarro, arrotando bem alto na sala dos professores só para “causar”. Outra vez, trombou com a cozinheira da escola e ops! deixou cair um baseado. Mas o pior rolou numa reunião de professores: irritada com os comentários de um colega, ela arriou as calças e protestou fazendo o tradicional “bundalelê”. Bunda que, evidentemente, tomou um pé e foi parar no olho da rua depois desse strip.

9º lugar:
Um homem tentou roubar gasolina de um trailler estacionado numa rua em Seattle e a polícia encontrou-o no lugar,dobrado, no chão, vomitando sem parar. No relatório da polícia foi explicado que o homem ao invés de colocar a mangueira no tanque e chupar para puxar a gasolina, colocou a mangueira no tanque da privada química do trailler e chupou com muita força. O proprietário do trailler se recusou a fazer o B.O., declarando que nunca tinha se divertido tanto na vida.

8º lugar:
Na crônica local do jornal da cidade de Ypsilanti, Michigan, apareceu a noticia de um assaltante que entrou no “Burger King” da cidade às 5 horas da manhã, apontou uma arma para o caixa, e ordenou que lhe entregasse o dinheiro. O atendente explicou que devido a uma trava eletrônica, não poderia abrir o caixa sem um pedido. O homem então pediu cebolas fritas e o atendente retrucou que, pelo sistema, não poderia servir cebolas no café da manhã. O assaltante, frustrado, foi embora.

7º lugar:
Um homem no Arkansas estava tão afobado para tomar uma cerveja, que resolveu jogar um tijolo contra a vitrine de uma loja, para roubar algumas garrafas e fugir. Apanhou um tijolo e o jogou com todas suas forças contra a vitrine. O tijolo bateu e voltou, acertando exatamente a testa dele, que ficou desmaiado no chão até a polícia chegar. A vitrine era de Plexiglass inquebrável e a cena foi filmada pela câmera de segurança da loja.

6º lugar:
Um homem entrou num mercado na Louisiana, colocou uma nota de 20 dólares no balcão e pediu para trocar. Quando o balconista abriu a gaveta, o homem mostrou uma arma e mandou que lhe entregasse todo o dinheiro da gaveta. Depois fugiu, mas na pressa esqueceu a nota de 20 no balcão. O total que havia na gaveta e que o homem levou era 15 dólares.

5º lugar:
Um adolescente do Missouri foi internado num hospital com graves ferimentos na cabeça, provocado pelo choque com um trem. Questionado sobre como tinha acontecido o acidente, ele explicou para a policia que estava simplesmente tentando descobrir quanto exatamente podia chegar perto do trem em movimento antes de ser atingido.

4º lugar:
O cozinheiro de um hotel em Nova York perdeu um dedo no moedor de carnes e entrou com um pedido de ressarcimento na sua seguradora. Esta, desconfiando de uma possível negligência no uso do aparelho, enviou um inspetor que testou o moedor: fez exatamente a mesma operação e perdeu um dedo. O pedido de ressarcimento foi então aprovado.

3º lugar:
Um homem ficou retirando neve da rua com uma pá por mais de uma hora,durante uma tempestade de neve em Chicago, para poder estacionar o seu carro. Terminado o trabalho, foi buscar o carro e ao voltar ao lugar que tinha preparado com tanto esforço, encontrou uma mulher que tinha acabado de estacionar, com a maior naturalidade, no espaço que ele liberara. Assim ele se explicou à polícia: – “Como poderia deixar de dar 2 tiros de fuzil na filha da puta?”

2º lugar:
Depois de ter parado para tomar todas num bar, o motorista de um ônibus em Austin, Texas percebeu que os 11 doentes mentais que deveria levar para um asilo, fugiram. Tentando esconder sua negligência, foi até uma parada de ônibus e ofereceu transporte de graça para as pessoas que estavam esperando no ponto. A seguir, foi até o asilo e entregou os passageiros, dizendo que eram muito perigosos e inventavam historias incríveis para tentar fugir. O engano só foi descoberto vários dias depois.

1º lugar:

Quando o seu revolver calibre 38 falhou,durante uma tentativa de assalto, o assaltante, James Elliot, de Long Beach, Califórnia, cometeu um pequeno erro. Virou a arma para ver se no cano tinha algo impedindo a arma de funcionar e experimentou apertar de novo o gatilho… Desta vez a arma funcionou.

Obs: O assunto tá meio fujindo da tecnologia né, mas as vezes é bom dar uma descontraída 🙂

Deixe um comentário